11 de outubro de 2014

Audrey Wood e a Coleção Abracadabra



Olá meus lindos!!


Gravem bem esse nome se quiserem uma excelente dica de livros infantis! Eu comecei sua coleção de livros quando era criança e todos são meus favoritos até hoje. Os livros ainda permanecem comigo e vou continuar guardando-os com muito carinho. Estavam sempre comigo quando eu precisava!




Ela escreveu uma coleção chamada ABRACADABRA, com estórias maravilhosas e que encantam as crianças até hoje. Minha coleção ainda não está completa, mas um dia estará! Vale a pena e ficará para os meus filhos!! Meus livros estão em ótimo estado até hoje! <3


Além das estórias serem boas, as ilustrações são maravilhosas!  Don Wood é muito talentoso! Seus desenhos são bem feitos e muito realistas! Quando era pequena ficava observando cada detalhe dos desenhos! Amava!


Essa coleção é formada por:



A CASA SONOLENTA



Era uma casa sonolenta, onde todos viviam dormindo. Quem diria que uma simples pulguinha saltitante pudesse acabar com todo o sossego num instante!


MEUS PORQUINHOS



Brincando aos pares nos dedos das mãos, dez minúsculos porquinhos só fazem estripulia. E criam para a espera do sono uma gostosa fantasia


O REI BIGODEIRA E SUA BANHEIRA



O fanfarrão rei Bigodeira não quer mais sair de sua banheira. Só uma criança poderia descobrir como acabar com essa brincadeira! Tradução de Gisela Maria Padovan, Prêmio Monteiro Lobato de melhor livro traduzido para criança.


A PALAVRA FEIA DE ALBERTO




Numa festa, o chique Alberto levou uma martelada no dedão. Como segurar o palavrão? E a mãe lhe deu uma bronca e o mandou lavar a boca com sabão.

A BRUXA SALOMÉ



A história da bruxa Salomé, que se aproveita da ausência da mãe para transformar os filhos em comida!


A HISTÓRIA DO PEQUENO PINGUIN

A vovó Pinguim conta uma história para seus netos. E um dos pinguinzinhos sai às escondidas e vai viver, na imensidão gelada, a aventura pela vovó narrada.


>> Para vocês terem uma noção dos livros, achei três leituras deles no youtube!! Vou deixar os links para ver se interessa. O mais lindinho é o livro O Rei Bigodeira e Sua Banheira, lido por uma menininha muito fofa!! 




Eu encontrei outros livros dela, mas não sei se fazem parte da coleção Abracadabra, pois atrás dos meus livros não constam esses títulos, mas pode ser porque saíram depois! Mesmo assim, colocarei os títulos aqui para uma coleção completa de Audrey Wood!!


O RATINHO, O MORANGO VERMELHO MADURO, E O GRANDE URSO ESFOMEADO



Esta é uma divertida fábula sobre a esperteza dos pequenos contra a força dos gigantes. O ratinho que protagoniza as cenas tenta esconder um morango maduro de um grande urso que, aliás, não aparece na história. Um interlocutor oculto, mais esperto ainda que o rato (e com o qual a criança se identifica), é quem vai narrando a história, ao mesmo tempo que convence o ratinho a dividir o morango com ele. 


CLARA MANHÃ DE QUINTA À NOITE



“Numa clara manhã de quinta-feira à noite, acordei e sonhei que tinha morrido; meu galo vermelho põe um ovo e me chama cocorocó e me tira da cama; vesti a roupa para meu enterro, uma festa bem simples com muito luxo; os convidados contentes choram o tempo inteiro até os mais pobres cheios do dinheiro; quando a banda tocou gelatina de osso, todos nós sentamos para dançar, aí apareceu uma batata Argentina sem roupa com calça de gabardina; que bom ver você novamente – falei - e a primeira vista me apaixonei, vamos comer que morro de sede – ele disse – e de uma só bocada comi o infeliz; veja o que fez comigo – gritou o crocodilo – comeu o estranho, meu melhor amigo; eu não fiz isso – sorri arrependida – e não vou fazer de novo é o que lhe digo; como tenho pressa, demoro a contar, a batata Argentina pudemos salvar, aí o crocodilo fez o nosso casamento e ficamos solteiros no mesmo momento; eu sabia, sabia, eu tinha certeza, por isso gritei muito surpresa: aí vem um bebê sem nenhum cabelo com um topete na testa como um novelo; eu sou mentirosa, mas a estória é verdade e o fim acontece antes da metade; se você acreditou nessa mentira verdadeira recomece do fim toda brincadeira”.


RÁPIDO COMO UM GAFANHOTO



Rápido como um gafanhoto, lento como um caracol... Abrindo este livro a criança com certeza vai se reconhecer em uma, duas ou até mesmo em todas as páginas.


A FLAUTA DA LUA



Enquanto todos dormem, Flávia não consegue pegar no sono. Então recebe de presente da lua uma flauta encantada, que a conduz pela noite numa viagem cheia de magia


A PONTE DO ARCO-ÍRIS



Com lirismo, este livro narra a lenda dos índios norte-americanos chumashes, que conta como os homens foram criados e como surgiram o arco-íris e os golfinhos





O que acharam dessa coleção infantil?? Vale a pena ter? Me digam nos comentários!!

Aos pais, primos, tios, e outros familiares que quiserem incentivar as crianças a ler, vou deixar o link da postagem anterior que fiz, dando 11 dicas muito boas para ajudar nesse processo de interação com a leitura!! 




Beijinhos

Um comentário:

  1. Essa coleção é linda, graficamente e literariamente. Comprei quase todos só não os dois últimos. Gosto de boa literatura para crianças, bem ilustrada e com boas histórias. Vc leu Ivan, Divan e Zariman da Marta Koci. Vale a pena conferir.

    ResponderExcluir